PT
BR
Pesquisar
Definições



desacerto

A forma desacertopode ser [primeira pessoa singular do presente do indicativo de desacertardesacertar] ou [nome masculino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
desacertodesacerto
|ê| |ê|
( de·sa·cer·to

de·sa·cer·to

)


nome masculino

Falta de acerto, erro; tolice.

desacertardesacertar
( de·sa·cer·tar

de·sa·cer·tar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Fazer com desacerto.

2. Tornar desacertado; desordenar.

3. Não alcançar.


verbo intransitivo

4. Proceder com desacerto.


verbo pronominal

5. Sair da ordem.

6. Deixar de regular bem.

7. Baldar-se; frustrar-se.

Auxiliares de tradução

Traduzir "desacerto" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Pode-se utilizar a palavra exigencial? Ex.: selecção exigencial de componentes.
Apesar de o adjectivo exigencial não se encontrar registado em nenhum dos dicionários e vocabulários de língua portuguesa à nossa disposição, ele encontra-se bem formado a partir da aposição do sufixo -al ao substantivo exigência, pelo que o seu uso é possível e até muito frequente, como o revelam pesquisas em corpora e em motores de busca da Internet, especialmente em contextos relativos às áreas da construção e da engenharia civil, com o significado “que é relativo a ou que envolve uma exigência” (ex.: fizeram uma selecção exigencial dos novos materiais).



Qual a forma verbal correcta nestas duas frases: "Trata-se ou Tratam-se de pessoas que não sabem o que fazem"?
A frase correcta é Trata-se de pessoas que não sabem o que fazem.

Neste exemplo, o verbo tratar tem um sentido próximo de “ser”, sendo indissociável do clítico se e da preposição de. A construção tratar-se de funciona como um verbo impessoal, i.e., utiliza-se apenas na 3.ª pessoa do singular, dado que é usada em frases sem sujeito. A frase *Tratam-se de pessoas que não sabem o que fazem é agramatical (como indica o asterisco) porque o sintagma pessoas que não sabem o que fazem, com o qual o verbo concorda, é erradamente considerado o sujeito da frase.

A construção acima descrita não deve ser confundida com o predicado verbal da frase Eles tratam-se da doença numa clínica suíça. Neste caso, o verbo tratar é usado na acepção de “curar” e concorda com o sujeito da frase (Eles).