PT
BR
Pesquisar
Definições



Pesquisa nas Definições por:

indefinir

algum | quant. exist. pron. indef.

Designa quantidade indeterminada, mas não grande....


al | adv. | pron. indef. | contr.

Mais....


ambinhos | quant. univ. pron. indef.

Diminutivo de ambos....


aqueloutro | contr.

Contracção do determinante ou pronome demonstrativo aquele com o pronome indefinido outro....


determinado | adj. | det. e pron. indef.

Que se determinou....


imenso | adj. | adv.

Tão grande que não pode ser medido ou contado....


maningue | adv. | quant. exist. pron. indef. 2 g. 2. núm.

Em grande quantidade ou intensidade (ex.: isso é maningue arriscado)....


| pron. indef.

O mesmo que nada....


nalgo | contr.

Contracção da preposição em e do pronome indefinido algo....


nalguém | contr.

Contracção da preposição em e do pronome indefinido alguém....


naqueloutro | contr.

Contracção de naquele e do pronome indefinido outro....


nenhum | quant. univ. pron. indef.

Nem um (ex.: não conheço nenhuma dessas pessoas; eram três candidatos, mas nenhum foi admitido)....


nicles | adv. | pron. indef.

Expressa negação; de modo nenhum (ex.: o gato dorme o dia todo, mas caçar, nicles)....


preciso | adj.

Que faz falta (ex.: fez uma lista de tudo o que era preciso para a viagem)....


raspas | pron. indef.

Nada: Não saber raspas de alemão....


qualquer | quant. univ.

Um (de entre muitos sem escolher)....


toda | pron. indef. | adj.

Uma qualquer....



Dúvidas linguísticas



Queria saber o antónimo de romântico.
À palavra romântico não corresponde directamente outra palavra antónima. Uma pessoa que não é romântica não é necessariamente insensível, fria ou impassível, pelo que será mais aconselhado utilizar a construção não romântico para designar alguém que possui falta de romantismo.



Numa pesquisa no Google, encontrei várias vezes a expressão "há espera", por exemplo: "torneios há espera de concorrentes". É correcto dizer "há espera"? Não será "à espera"?
No contexto que refere, deverá ser utilizada a locução prepositiva à espera de, que significa “aguardando por” (torneios à espera de concorrentes) e que poderá encontrar registada, por exemplo, no Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa, que também regista a locução adverbial à espera (Ex.: os doentes já estão à espera há muito tempo). Esta locução tem estrutura semelhante a muitas outras locuções prepositivas em português (contracção da preposição a com o artigo definido a seguida de substantivo feminino e da preposição de), como, por exemplo, à beira de, à conta de, à disposição de, à frente de. A expressão há espera poderá apenas ser usada em contextos onde se pretenda dizer que "existe uma espera" (ex.: nos acessos à ponte há espera prolongada).

Ver todas