PT
BR
Pesquisar
Definições



notais

A forma notaisé [segunda pessoa plural do presente do indicativo de notarnotar].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
notarnotar
( no·tar

no·tar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Distinguir através de marca ou sinal. = ASSINALAR, MARCAR, SINALIZAR

2. Tomar nota de. = ANOTAR, APONTAR

3. Representar por sinais gráficos.

4. Tomar consciência de. = OBSERVAR, PERCEBER, REPARAR

5. Fazer observação sobre. = COMENTAR

6. Advertir.

7. Acusar, censurar, criticar.

8. Registar (o notário) no livro de notas. = ARROLAR, ASSENTAR

etimologiaOrigem etimológica:latim noto, -are, marcar, designar, anotar, escrever, censurar.
Confrontar: nutar.

Auxiliares de tradução

Traduzir "notais" para: Espanhol Francês Inglês

Anagramas



Dúvidas linguísticas



Gostaria de saber qual a forma correcta: 1) deve realçar-se que o tema... ou 2) deve-se realçar que o tema...
Para resposta à dúvida colocada, por favor consulte outra dúvida respondida sobre o mesmo assunto em posição dos clíticos em locuções verbais. Nos exemplos referidos, o verbo dever forma com o verbo realçar uma locução verbal e tem um comportamento que se aproxima do de um verbo auxiliar. Por este motivo, o clítico se poderá ser colocado depois do verbo principal (ex.: deve realçar-se), do qual depende semanticamente, ou a seguir ao verbo auxiliar (ex.: deve-se realçar). É de realçar que a posição mais consensual (e aconselhada por vários gramáticos) é a primeira, isto é, depois do verbo principal.



As palavras Malanje, Uíje, Cassanje, etc., levam a letra g ou j ?
Os topónimos angolanos referidos deverão ortografar-se correctamente nas formas Malanje, je e Caçanje (esta última grafia corresponde também ao nome comum caçanje).

É esta a grafia registada nas principais obras de referência para o português europeu, nomeadamente no Tratado de Ortografia da Língua Portuguesa (Coimbra: Atlântida Editora, 1947) e no Vocabulário da Língua Portuguesa (Coimbra: Coimbra Editora, 1966), de Rebelo Gonçalves, ou no Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro Machado (Lisboa: Âncora Editora, 2001). Apesar disso, é esmagadora a ocorrência de grafias alternativas como *Malange, *Uíge, *Cassange ou *Cassanje (o asterisco indica incorrecção, de acordo com as obras de referência para a ortografia e com a tradição lexicográfica).

É de referir que com o Acordo Ortográfico de 1990 (nomeadamente na Base III) não há qualquer alteração a este respeito.