PT
BR
Pesquisar
Definições



concubina

A forma concubinapode ser [feminino singular de concubinoconcubino], [segunda pessoa singular do imperativo de concubinarconcubinar], [terceira pessoa singular do presente do indicativo de concubinarconcubinar] ou [nome feminino].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
concubinaconcubina
( con·cu·bi·na

con·cu·bi·na

)


nome feminino

1. Mulher que vive ou se relaciona com um homem como se estivesse casada com ele.

2. [Depreciativo] [Depreciativo] Mulher que exerce a prostituição. = PROSTITUTA

etimologiaOrigem etimológica:latim concubina, -ae.
concubinoconcubino
( con·cu·bi·no

con·cu·bi·no

)


adjectivo e nome masculinoadjetivo e nome masculino

Que ou quem vive ou se relaciona com outra pessoa como se estivesse casado com ela.

etimologiaOrigem etimológica:latim concubinus, -a, -um.
concubinarconcubinar
( con·cu·bi·nar

con·cu·bi·nar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo pronominal

1. Passar a viver em estado de concubinato. = AMANCEBAR, AMASIAR

2. [Figurado] [Figurado] Conluiar-se, conchavar-se.

etimologiaOrigem etimológica:concubina + -ar.
Nota: Usa-se apenas como verbo pronominal.

Auxiliares de tradução

Traduzir "concubina" para: Espanhol Francês Inglês

Esta palavra no dicionário



Dúvidas linguísticas



Quando atendemos um telefone é correto falar "pois não"?
A locução adverbial interrogativa pois não usa-se para saber o que alguém pretende ou para mostrar disponibilidade para ouvir uma solicitação, pelo que pode ser utilizada como fórmula de atendimento de uma chamada telefónica.



Qual o adjetivo relativo ao substantivo plexo?
Nas obras de referência consultadas, não encontrámos registo de nenhum adjectivo relativo a plexo, a não ser no Dicionário Médico de L. Manuila (Lisboa: Climepsi Editores, 2001), onde plexural aparece registado como o adjectivo relativo a plexo. Este vocábulo plexural é de formação irregular em português (o regular seria, por exemplo, plexal ou pléxico, formas não atestadas), sendo um empréstimo da língua inglesa, fenómeno relativamente frequente em áreas técnicas como a anatomia.