PT
BR
Pesquisar
Definições



claras

A forma claraspode ser [feminino plural de claraclara] ou [feminino plural de claroclaro].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
claraclara
( cla·ra

cla·ra

)
Imagem

Albumina que envolve a gema do ovo; branco do ovo.


nome feminino

1. Albumina que envolve a gema do ovo; branco do ovo.Imagem

2. Membrana externa branca do olho; branco do olho. = ESCLERÓTICA

3. Clareira.

4. [Marinha] [Marinha] Abertura por onde passa um cabo ou uma volta de trinca.


às claras

Sem rebuço, diante de todos.

claras em castelo

[Portugal] [Portugal] [Culinária] [Culinária]  Claras de ovos batidas até ficarem com consistência espumosa.

claras em neve

[Brasil] [Brasil] [Culinária] [Culinária]  O mesmo que claras em castelo.

claroclaro
( cla·ro

cla·ro

)


adjectivoadjetivo

1. Que se vê bem (ex.: contornos claros; imagem clara). = DISTINTO, NÍTIDODIFUSO, INDISTINTO, IMPRECISO, TURVO

2. Que vê bem (ex.: visão clara).TURVO

3. Que deixa ver bem (ex.: água clara; vidros claros). = LÍMPIDO, TRANSLÚCIDO, TRANSPARENTEESCURO, TURVO

4. Que se ouve bem (ex.: voz clara). = DISTINTO, NÍTIDODIFUSO, INDISTINTO

5. Que tem boa claridade (ex.: noite clara; quarto claro). = ILUMINADOESCURO, OBSCURO, SOMBRIO

6. De cor muito pouco carregada ou pouco intensa, aproximando-se do branco (ex.: roupa clara; tom claro de cinza).ESCURO

7. Não trigueiro; de tonalidade pouco escura (ex.: olhos claros; pele clara).

8. Que se entende bem (ex.: explicação clara). = INTELIGÍVEL, TRANSPARENTECOMPLICADO, CONFUSO, DIFÍCIL, INCOMPREENSÍVEL, HERMÉTICO, OBSCURO

9. Que se pode ver ou verificar (ex.: fez um sinal claro de que estava de acordo; apresentaram provas claras). = EVIDENTE, EXPLÍCITO, INEQUÍVOCO, MANIFESTO, NOTÓRIO, ÓBVIODÚBIO, DUVIDOSO

10. Sem nuvens (ex.: céu claro). = ABERTO, DESANUVIADO, LÍMPIDO, LIMPO, SERENOANUVIADO, CINZENTO, ENEVOADO, ESCURO, NEBULOSO, NUBLADO

11. [Linguagem poética] [Linguagem poética] Que se distingue pelas suas qualidades positivas. = ILUSTRE, ÍNCLITO, NOTÁVEL, PRECLAROVIL

12. [Tauromaquia] [Tauromaquia] Diz-se do touro que se conserva bravo até ao fim da lide. = BOIANTE, FRANCO


nome masculino

13. Parte mais iluminada de um objecto, de um quadro.ESCURO

14. Ponto em que rareia ou não há o que existe em redor (ex.: claros na floresta). = CLAREIRA

15. [Tipografia] [Tipografia] Espaço não preenchido em qualquer obra impressa. = BRANCO

16. Esquecimento passageiro. = BRANCA

17. O que não deixa dúvida.


advérbio

18. Com clareza (ex.: por favor, fale claro). = CLARAMENTE, DISTINTAMENTE


interjeição

19. Usa-se para indicar concordância, resposta afirmativa ou conclusão óbvia (ex.: concordas? - claro!).


em claro

Sem dormir (ex.: passei a noite em claro; ficaram em claro duante horas). = EM BRANCO

Sem citar ou sem mencionar (ex.: não vamos passar em claro este tema).

etimologiaOrigem etimológica:latim clarus, -a, -um.

Auxiliares de tradução

Traduzir "claras" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Como se escreve: quere-la ou querêla?
As grafias quere-la, querê-la e querela são formas parónimas, isto é, formas diferentes com grafia e som semelhantes.

As formas quere-la e querê-la correspondem a formas verbais do verbo querer seguidas do clítico a, na forma -la (o pronome clítico -a assume a forma -la quando a forma verbal que o precede termina em -r, -s ou -z); quere-la pode transcrever-se foneticamente ['k3rilá] e corresponde à segunda pessoa do presente do indicativo (ex.: tu queres a sopa? = quere-la?), enquanto querê-la pode transcrever-se foneticamente [ki'relá] e corresponde ao infinitivo (ex.: para alcançares alguma coisa, tens de querê-la muito).

A grafia querela pode transcrever-se foneticamente [ki'r3lá] e corresponde a um substantivo feminino, cujo significado poderá consultar seguindo a hiperligação para o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa.




Utilizo com frequência o corrector linguístico, constituindo este uma importante ferramenta de trabalho. Constatei que, ao contrário do que considerava, a palavra pátio tem esta ortografia, e não páteo. Gostaria que me informassem se existiu algum acordo ortográfico recente ou se, pelo contrário, a ortografia actual sempre foi a correcta.
Já no texto da base IX do Acordo Ortográfico de 1945 (e na base V do Acordo Ortográfico de 1990), é referida a forma pátio, pelo que esta é a única forma considerada correcta.

É no entanto algo frequente a utilização da forma páteo, nomeadamente em estabelecimentos comerciais; esta forma pode ser considerada uma grafia mais antiga, de uma altura em que as convenções ortográficas ainda não tinham estabilizado a grafia do português.