PT
BR
Pesquisar
Definições



abatido

A forma abatidopode ser [masculino singular particípio passado de abaterabater] ou [adjectivoadjetivo].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
abatidoabatido
( a·ba·ti·do

a·ba·ti·do

)


adjectivoadjetivo

1. Que se abateu.

2. Enfraquecido; definhado.

3. Humilhado.

4. Decaído, desalentado; derribado.

5. Descontado.

etimologiaOrigem etimológica:particípio de abater.
abaterabater
|ê| |ê|
( a·ba·ter

a·ba·ter

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Deitar abaixo; fazer cair. = DERRIBAR, DERRUBAR

2. Inclinar para baixo. = ABAIXAR, BAIXARLEVANTAR, SUBIR

3. Causar morte violenta a.

4. Matar (um animal), geralmente num matadouro ou num veterinário.

5. Enviar um veículo ou uma embarcação para destruição.

6. Diminuir um valor ou fazer um desconto no preço (ex.: abateu 50€ no preço final). = DEDUZIR, DESCONTAR, SUBTRAIRACRESCENTAR, SOMAR

7. Humilhar, diminuir.


verbo transitivo, intransitivo e pronominal

8. Causar ou sofrer tristeza, infelicidade. = DEPRIMIR, DESANIMAR, PROSTRARANIMAR

9. Causar ou sentir fraqueza, cansaço. = DEBILITAR, ENTIBIAR


verbo intransitivo e pronominal

10. Vir abaixo. = CAIR, DESABAR, DERROCAR, DESMORONAR

11. Minguar.

12. Afundar-se, dar de si, enterrar-se em parte.

13. Emagrecer ou perder as forças.


verbo intransitivo

14. [Náutica] [Náutica] Desviar-se do rumo. = DESCAIR

15. [Náutica] [Náutica] Tornar-se mais fraco ou mais calmo (ex.: o vento abateu). = ABONANÇAR, AMAINAR


verbo pronominal

16. Ter efeitos negativos ou nocivos sobre algo ou alguém (ex.: uma tragédia abateu-se sobre a família).

17. Arrojar-se (a ave de rapina sobre a presa).

etimologiaOrigem etimológica:latim tardio abbatuere, do latim battuo, -ere, bater, ferir, esgrimir, cruzar armas.

Auxiliares de tradução

Traduzir "abatido" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Por que motivo algumas palavras fazem o diminutivo com S e outras com Z?
Entre os sufixos mais produtivos para a formação de diminutivos encontram-se -inho e -zinho. Desta forma, poderá, por exemplo, formar as palavras livrinho (livro + -inho) e livrozinho (livro + -zinho). Só poderá haver um -s- num diminutivo se a palavra primitiva já o contiver, pois não há, em português, um sufixo -sinho. Por exemplo, nas palavras adeusinho ou vasinho há um -s- porque as palavras são formadas de adeus ou vaso + -inho.



Escreve-se pôr do sol ou pôr-do-sol? E qual o plural?
Os dicionários e vocabulários de língua portuguesa não são unânimes no que respeita à grafia de pôr do Sol/pôr-do-sol, pois se há uns, como o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea (Academia das Ciências de Lisboa/Verbo, 2001), que registam a forma hifenizada pôr-do-sol, outros há, como o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (edição brasileira da Editora Objetiva, 2001; edição portuguesa do Círculo de Leitores, 2002), que preferem o registo da locução substantiva pôr do Sol (o Dicionário Houaiss não maiusculiza sol, mas, como se trata do astro propriamente dito, a utilização da maiúscula é necessária). Este último dicionário justifica a preferência pela locução com base no facto de o pôr ser um fenómeno astronómico comum a vários astros e não exclusivo do Sol, e também porque nenhum dicionário regista a correspondente palavra hifenizada nascer-do-sol. Este argumento parece fazer algum sentido, especialmente se considerarmos que construções como do pôr ao nascer do Sol não permitem a utilização do hífen.

Assim sendo, e uma vez que ambas as variantes se encontram registadas em obras lexicográficas de língua portuguesa, poderá optar por qualquer uma das duas formas, não devendo esquecer que num mesmo texto deverá manter a mesma opção, por uma questão de coerência.

O plural deverá ser pores do Sol ou pores-do-sol.