Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub
lemalema | s. m.
lemalema | s. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

le·ma |ê| le·ma |ê| 1
(latim lemma, -atis, assunto, tema, do grego lêmma, atos, o que é recebido, ganho, lucro)
substantivo masculino

1. [Matemática]   [Matemática]  Proposição preliminar que deve facilitar a demonstração de um teorema.

2. [Figurado]   [Figurado]  Regra de procedimento, escrita; divisa.

3. Sentença.

4. Emblema.

5. [Entomologia]   [Entomologia]  Género de insectos coleópteros fitófagos.

6. [Linguística]   [Lingüística]   [Linguística]  Forma gráfica de uma palavra que é usada como entrada de verbete em dicionários ou vocabulários (por exemplo, o lema da forma verbal terá é ter, o lema do adjectivo é mau, o lema do substantivo juízes é juiz).


Ver também dúvida linguística: procurar palavras num dicionário.

le·ma |ê| le·ma |ê| 2
(grego lémma, atos, pele, casca)
substantivo feminino

[Botânica]   [Botânica]  Glumela inferior que protege a flor das gramíneas.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "lema" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Gostaria de obter a vossa apreciação sobre o modo de formular as datas nas três seguintes frases; qual deles terá o uso prepositivo mais correcto? O depósito a prazo vence-se em 22 de Janeiro de 2006. O depósito a prazo vence-se no 22 de Janeiro de 2006. O depósito a prazo vence-se a 22 de Janeiro de 2006.
As preposições estão correctamente usadas nas três frases que menciona. Apenas na segunda frase é habitualmente usada a palavra dia antes do numeral que indica a data exacta: O depósito a prazo vence-se no dia 22 de Janeiro de 2006.


Como deve ser pronunciada a palavra parece como na frase Ele parece estar cansado. Já ouvi a pronúncia aberta e também a fechada na segunda sílaba. Também a palavra interesse, como no caso Tenho interesse no assunto, coloca dúvidas.
A questão diz respeito à qualidade da última vogal do radical do verbo (ex.: parecer) na terceira pessoa do presente do indicativo. No caso em apreço, não se trata de uma característica pontual do verbo parecer, mas do sistema verbal da segunda conjugação (a dos verbos em -er, a que pertence o verbo parecer).

Nesta conjugação, quando as formas verbais são rizotónicas (isto é, com acento tónico na última vogal do radical; ex.: parece, pareça) e a última vogal do radical é e (ex.: parecer, meter) ou o (ex.: comer, socorrer), o padrão fonético mais geral (com várias excepções) é:
a) ter a última vogal do radical fechada (isto é, com o som ê ou ô, respectivamente) na primeira pessoa do singular do presente do indicativo (ex.: eu pareço, eu socorro), no presente do conjuntivo (ex.: que eu pareça, que eles socorram) e na terceira pessoa do imperativo (ex.: socorram aquele homem).
b) ter a última vogal do radical aberta (isto é, com o som é ou ó, respectivamente) na segunda e terceira pessoas do singular e na terceira pessoa do plural do presente do indicativo (ex.: tu pareces, eles socorrem) e na segunda pessoa do singular do imperativo (ex.: socorre aquele homem).

No caso do substantivo interesse, a norma culta (apresentada por dicionários, vocabulários e outras obras de referência) preconiza que a vogal tónica (interesse) seja lida ê. Esta pronúncia deverá diferenciar este substantivo da forma verbal interesse correspondente à primeira e terceira pessoas do singular do presente do conjuntivo do verbo interessar (que eu/ele interesse). No caso deste verbo e dos outros verbos da primeira conjugação cuja última vogal do radical é e (ex.: levar) ou o (ex.: escovar, mostrar), a vogal do radical nas formas rizotónicas é usualmente aberta (isto é, com o som é ou ó, respectivamente; ex.: interesse, interessam, levo, levem, escovo, escovas, mostram, mostre).

Palavra do dia

cen·dal cen·dal
(provençal cendal, do latim medieval sandalum, do latim sindon, -onis, musselina, do grego sindôn, -ónos, tecido fino de linho)
substantivo masculino

1. Tecido fino e transparente (ex.: cendal de linho; cendal de seda). = SOPRILHO

2. Véu.

pub

Mais pesquisadas do dia

Dúvidas linguísticas


Gostaria de obter a vossa apreciação sobre o modo de formular as datas ...
As preposições estão correctamente usadas nas três frases que menciona....

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://dicionario.priberam.pt/lema [consultado em 21-07-2018]