PT
BR
Pesquisar
Definições



Pesquisa nas Definições por:

coara

coado | adj.

Fundido....


coercitivo | adj.

Que exerce ou pode exercer coacção; que obriga ou sujeita pela intimidação, pela força ou pela violência....


coercivo | adj.

Que exerce ou pode exercer coacção; que obriga ou sujeita pela intimidação, pela força ou pela violência....


rupestre | adj. 2 g.

Que cresce sobre os rochedos....


coagido | adj.

Que sofreu coacção....


coacto | adj.

Que não pode deixar de fazer aquilo a que o obrigam; que sofre coacção....


barrela | n. f.

Solução alcalina usada para clarear roupa suja....


compressão | n. f.

Pressão que faz diminuir o volume de um objecto....


galripo | n. m.

Saco de pano para coar vinho....


coada | n. f.

Barrela....


coadouro | n. m.

O mesmo que coador....


coadura | n. f.

Passagem de líquido ou suco pelo coador....


coerção | n. f.

Acto de coagir ou de forçar pela intimidação, pela força ou pela violência....


opressão | n. f.

Acto ou efeito de oprimir....


pressão | n. f.

Acção de premer, de comprimir, de apertar....


foz-coense | adj. 2 g. | n. 2 g.

Relativo ou pertencente a Vila Nova de Foz Côa....


violência | n. f.

Estado daquilo que é violento....



Dúvidas linguísticas



Pode-se utilizar a palavra exigencial? Ex.: selecção exigencial de componentes.
Apesar de o adjectivo exigencial não se encontrar registado em nenhum dos dicionários e vocabulários de língua portuguesa à nossa disposição, ele encontra-se bem formado a partir da aposição do sufixo -al ao substantivo exigência, pelo que o seu uso é possível e até muito frequente, como o revelam pesquisas em corpora e em motores de busca da Internet, especialmente em contextos relativos às áreas da construção e da engenharia civil, com o significado “que é relativo a ou que envolve uma exigência” (ex.: fizeram uma selecção exigencial dos novos materiais).



Como se classifica gramaticalmente a forma levemo-lo?
Gramaticalmente, levemo-lo corresponde a uma forma do verbo levar na primeira pessoa do plural do imperativo (ex.: amigos, levemos isto daqui já), seguido do pronome átono o, que assume a forma -lo por estar a seguir a uma forma verbal terminada num -s (que desaparece: levemos + o = levemo-lo).

A forma levemos, isoladamente, poderá corresponder também ao presente do conjuntivo (ex.: é preciso que levemos isto daqui), mas, como tem o pronome átono em posição enclítica (depois do verbo), não corresponde a esse tempo, pois o presente do conjuntivo é normalmente antecedido da conjunção que, com propriedades de atracção do pronome átono (ex.: é preciso que o levemos daqui), não sendo considerada gramatical uma construção proclítica nesse caso (ex.: *é preciso que levemo-lo daqui).


Ver todas